23 de setembro de 2016

Conselho do Bem - Deus NUNCA falha (Salmos 9 e 10)

Olá amores,
Mais um dia iniciando e com ele mais um Conselho do Bem para aprendermos um pouquinho sobre o livro de Salmos.
Hoje farei um breve resumo do que aprendi estudando os Salmos 9 e 10.


Salmos 9

"Eu te louvarei, Senhor, com todo o meu coração; contarei todas as tuas maravilhas.
Em ti me alegrarei e saltarei de prazer; cantarei louvores ao teu nome, ó Altíssimo.
Porquanto os meus inimigos retornaram, caíram e pereceram diante da tua face.
Pois tu tens sustentado o meu direito e a minha causa; tu te assentaste no tribunal, julgando justamente;. Repreendeste as nações, destruíste os ímpios; apagaste o seu nome para sempre e eternamente. Oh! inimigo! acabaram-se para sempre as assolações; e tu arrasaste as cidades, e a sua memória pereceu com elas. Mas o Senhor está assentado perpetuamente; já preparou o seu tribunal para julgar. Ele mesmo julgará o mundo com justiça; exercerá juízo sobre povos com retidão. O Senhor será também um alto refúgio para o oprimido; um alto refúgio em tempos de angústia. Em ti confiarão os que conhecem o teu nome; porque tu, Senhor, nunca desamparaste os que te buscam. Cantai louvores ao Senhor, que habita em Sião; anunciai entre os povos os seus feitos. Pois quando inquire do derramamento de sangue, lembra-se deles: não se esquece do clamor dos aflitos. Tem misericórdia de mim, Senhor, olha para a minha aflição, causada por aqueles que me odeiam; tu que me levantas das portas da morte;. Para que eu conte todos os teus louvores nas portas da filha de Sião, e me alegre na tua salvação. Os gentios enterraram-se na cova que fizeram; na rede que ocultaram ficou preso o seu pé. O Senhor é conhecido pelo juízo que fez; enlaçado foi o ímpio nas obras de suas mãos. Os ímpios serão lançados no inferno, e todas as nações que se esquecem de Deus. Porque o necessitado não será esquecido para sempre, nem a expectação dos pobres perecerá perpetuamente. Levanta-te, Senhor; não prevaleça o homem; sejam julgados os gentios diante da tua face. Põe-os em medo, Senhor, para que saibam as nações que são formadas por meros homens. "

----------------------

A leitura do Salmo 9 me levou a ver que ele apresenta algumas atitudes que devem se constituir em marcas na vida de um servo de Deus, um cristão que deseja ter uma vida plena na presença de Deus. O Salmo foi escrito por Davi, que, segundo a Bíblia, era um homem segundo o coração de Deus. Interessante que Davi era um homem cheio de defeitos, cometeu muitos pecados, alguns bem graves, mas tinha humildade para se pôr diante de Deus com o coração arrependido e pedir perdão, reconhecendo seus erros e clamando misericórdia. Ele louvava a Deus por suas obras, a alegria dele estava em Deus, reconhecia a soberania de Deus, sabia que seu refúgio estava em Deus, conhecia Deus verdadeiramente.

------------------------
Salmos 10

"Por que estás ao longe, SENHOR? Por que te escondes nos tempos de angústia?
Os ímpios na sua arrogância perseguem furiosamente o pobre; sejam apanhados nas ciladas que maquinaram. Porque o ímpio gloria-se do desejo da sua alma; bendiz ao avarento, e renuncia ao Senhor. Pela altivez do seu rosto o ímpio não busca a Deus; todas as suas cogitações são que não há Deus. Os seus caminhos atormentam sempre; os teus juízos estão longe da vista dele, em grande altura, e despreza aos seus inimigos. Diz em seu coração: Não serei abalado, porque nunca me verei na adversidade. A sua boca está cheia de imprecações, de enganos e de astúcia; debaixo da sua língua há malícia e maldade. Põe-se de emboscada nas aldeias; nos lugares ocultos mata o inocente; os seus olhos estão ocultamente fixos sobre o pobre. Arma ciladas no esconderijo, como o leão no seu covil; arma ciladas para roubar o pobre; rouba-o, prendendo-o na sua rede. Encolhe-se, abaixa-se, para que os pobres caiam em suas fortes garras. Diz em seu coração: Deus esqueceu-se, cobriu o seu rosto, e nunca isto verá. Levanta-te, Senhor. Ó Deus, levanta a tua mão; não te esqueças dos humildes. 
Por que blasfema o ímpio de Deus? dizendo no seu coração: Tu não o esquadrinharás? 
Tu o viste, porque atentas para o trabalho e enfado, para o retribuir com tuas mãos; a ti o pobre se encomenda; tu és o auxílio do órfão. Quebra o braço do ímpio e malvado; busca a sua impiedade, até que nenhuma encontres. O Senhor é Rei eterno; da sua terra perecerão os gentios. Senhor, tu ouviste os desejos dos mansos; confortarás os seus corações; os teus ouvidos estarão abertos para eles; Para fazer justiça ao órfão e ao oprimido, a fim de que o homem da terra não prossiga mais em usar da violência."

--------------------------

Este Salmo não nos diz qual é o plano específico de Deus com relação a justiça. Sempre há o perigo de que em nossas orações, pedirmos a Deus para fazer algo que viola o seu imenso amor para com todos os seus filhos. Nós muitas vezes o vemos como estando do “nosso” lado e contra “eles”, quando só Deus sabe toda a história daqueles que vemos como nossos inimigos. Sabemos que o amor e a justiça de Deus triunfarão. Mas não sabemos exatamente de que maneira Deus irá manifestar o seu amor e a sua justiça. Quando em nossa dor clamamos a Deus, podemos ter certeza de que seremos ouvidos. Ele nos ouve e a seu tempo irá nos atender e consertar o que está errado.

----------------------------

Espero que vocês tenham aprendido um pouquinho sobre esses Salmos e refletido sobre eles. Deus jamais esquecem seus filhos, e embora na maioria das vezes a justiça terrena falhe, a justiça divina JAMAIS FALHARÁ, então CONFIE EM DEUS e viva bem!

Um beijo carinhoso.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por visitar o meu mundo! Volte sempre! Bjinhos

O CRISTÃO na SOCIEDADE

Olá, tudo bem com vocês? Mais uma semana iniciando e com ela mais um Conselho do Bem para refletirmos um pouquinho na palavra de Deus. ...